top of page

Brasil corre o risco de perder a soberania da Amazônia para o crime organizado


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, comentou nesta quarta-feira (17) sobre uma “disseminação” do problema de segurança no Brasil, notadamente na região amazônica.


A declaração de Barroso foi dada a jornalistas após participação em um dos debates do Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, em que falou sobre o ambiente democrático na América Latina e o avanço do crime organizado.


“O Brasil corre risco de perder a soberania da Amazônia, não para outros países, mas para o crime organizado”, disse Barroso a jornalistas.


“Existe a criminalidade ambiental de extração ilegal de madeira, de mineração ilegal, de grilagem de terras, de queimadas, mas já agora também passou a ser a rota do tráfico, de modo que o Brasil precisa se conscientizar de que nós temos que ter uma política de segurança pública mais abrangente”, afirmou o magistro.


“Isso repercute sobre o Poder Judiciário e é uma preocupação relevante que eu tenho”, completou Barroso.


Créditos: Gazeta Brasil

11 views0 comments

Comments


bottom of page