top of page

Após o assassinato de seu irmão, Sâmia Bomfim se licencia do mandato de deputada federal


A deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP) divulgou, nesta terça-feira (24), sua licença das atividades parlamentares por período indeterminado. Essa decisão foi tomada em decorrência do assassinato do seu irmão, o médico ortopedista Diego Ralf de Souza Bomfim, juntamente com dois colegas de profissão no Rio de Janeiro no início deste mês.


Em nota, a deputada afirmou que seguirá na batalha por justiça pelos três mortos e que também fortalecerá a luta por um modelo de sociedade em que o combate ao crime seja feito com inteligência e efetividade.


O comunicado também informa que as atividades nas redes sociais da deputada serão retomadas gradualmente, para “apoiar e dar visibilidade às lutas e às demandas sociais com as quais o mandato é comprometido”.


Diego Bomfim, de 35 anos, foi morto em um ataque a tiros enquanto estava em um quiosque, no Rio de Janeiro, com três colegas, também médicos, na madrugada do dia 5 de outubro. Dois deles também morreram, e um ficou ferido.


A família de Diego pediu acesso a todos os autos do inquérito e formalizou a procuração para que os advogados possam acessar as provas e o conteúdo da investigação. Uma das principais linhas de apuração da Polícia Civil considera que os assassinatos ocorreram por engano.


Eis a íntegra da equipe da parlamentar:

A deputada Sâmia Bomfim (PSOL-SP) agradece novamente toda a solidariedade a ela e sua família diante do assassinato bárbaro de seu irmão, Diego Bomfim, e seus dois amigos e colegas de profissão, Marcos de Andrade Corsato e Perseu Ribeiro Almeida.

Em decorrência da situação, Sâmia encontra-se em licença de suas atividades parlamentares, por tempo indeterminado.

Em Brasília e São Paulo, nosso mandato segue trabalhando e construindo as lutas por justiça social e em defesa dos direitos do povo. A Equipe Sâmia retomará gradualmente as atividades nas redes sociais, a fim de apoiar e dar visibilidade às lutas e demandas sociais com as quais o mandato é comprometido.

Seguiremos, incessantemente, na batalha por Justiça por Diego, Marcos e Perseu. Com isso, também fortalecemos a luta por um modelo de sociedade em que o combate ao crime seja feito com inteligência e efetividade e no qual a segurança pública, assim como todas as áreas sociais, seja valorizada e garantida, respeitando os direitos de todas e todos.


Fonte: Gazeta Brasil

106 views0 comments

Comments


bottom of page