top of page

Agressor da irmã de Zanin vai responder por lesão corporal e maus-tratos de animais




A Justiça aceitou a denúncia do Ministério Público do Estado de São Paulo contra Rogério Cardoso Júnior, de 64 anos, e o tornou réu por lesão corporal dolosa contra mulher e maus-tratos a animais.


Ele é acusado de chutar a advogada Caroline Zanin, 43 anos, irmã do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin, e os cachorros dela.


A decisão é da juíza Isaura Cristina Barreira, da 30ª Vara Criminal do Fórum da Barra Funda, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), e foi publicada nesta quarta-feira (22/11). O réu tem 10 dias para se manifestar na primeira etapa da ação.


Rogério havia sido denunciado pelo Ministério Público de São Paulo (MPSP) no começo de novembro.


O caso aconteceu no dia 16 de outubro. Nas imagens captadas por câmeras de segurança, é possível ver a advogada aguardando para entrar no condomínio em que mora, no bairro de Perdizes, zona oeste de São Paulo, quando Rogério chega.


Na época, a irmã de Zanin, registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil, por agressões contra ela e seus cachorros.


Segundo o boletim de ocorrência, ao qual a CNN teve acesso, Caroline relatou que o homem a abordou e teria dito que chutaria ela e os seus cachorros.


Créditos: Terra Brasil

9 views0 comments

Opmerkingen


bottom of page